Case de Sucesso ANNITAS

Sandra Gaya idealizadora do projeto ANNITAS pensem fora da caixa!, é uma mulher resiliente e determinada, duas características marcantes em sua trajetória de vida pessoal e profissional. Nascida em Brasília/Distrito Federal em meio a uma família onde o incentivo ao estudo foi o seu grande legado familiar. Seu avô materno foi o seu primeiro exemplo de sucesso. De catador de latinhas se formou em medicina e chegou a mais alta patente na aeronáutica. Ele dizia: pode quem quer! Conselho que serviu de incentivo para uma menina introspectiva e observadora.

Ainda criança, Sandra Gaya foi com seus pais e irmãos residir no litoral de Santa Catarina (SC) Brasil, estado em que vive até os dias atuais.  Em meio a dificuldades financeiras, Gaya aprendeu a focar no essencial para conquistar seus objetivos propostos, com isso, foi se tornando cada vez mais empoderada diante da vida. Pensamentos de derrota e fracasso nunca fizeram parte da sua história. Quando alguma situação desconfortante aparecia, Sandra encarava tal situação como uma oportunidade de crescimento e aprendizagem. O seu foco sempre estava direcionado para as soluções e, jamais permanecia com o problema.

Aos 16 anos iniciou a sua primeira atividade remunerada dando aulas de ginástica aeróbica. O que recebia em dinheiro era pouco, mas em oportunidade de aprendizagem e realização pessoal era imensurável. O convite para dar aulas de ginástica ocorreu devido o seu empenho e destaque como aluna. Essa foi então a sua primeira experiência em palco, microfone e grande público, período em que ministrava, junto a uma equipe, ginástica na praia durante o verão. Nessa época, Sandra Gaya obteve aprendizados significativos referentes ao processo de relacionamento interpessoal, negociação, postura ética e profissional. O esporte sempre foi uma de suas paixões, um meio para o autoconhecimento, superação e disciplina.

Sandra GayaAos 18 anos prestou o seu primeiro vestibular. Seu interesse era cursar educação física, mas na época não havia o curso próximo a sua cidade. A possibilidade de residir em outra região era nula, pois não havia a mínima condição financeira para tal desafio.  Ao ingressar na faculdade de enfermagem, Gaya percebeu, ainda no primeiro período do curso, que não era a sua vocação. Seu entusiasmo estava no esporte, mas não havia nenhum curso próximo voltado para essa atuação. Frustrada com a sua escolha Sandra decidiu trancar a faculdade. Aos 19 anos Sandra Gaya casou e teve sua primeira e única filha, o seu grande amor. Com pouco recurso econômico e com uma filha pequena, optou por trabalhar no empreendimento da família no setor alimentício, com seu esposo. Quatro anos se passaram e, veio então o desejo por ingressar na faculdade de Psicologia. Foram cinco anos de muita dificuldade para concluir o curso devido a questões financeiras, mas Sandra Gaya jamais permitiu abandonar seus ideais e projetos de vida. Sendo assim, concluiu a sua faculdade de Psicologia em meio a muita disciplina, determinação, bolsa de estudo (FIES). Para conclusão do curso, Gaya apresentou um trabalho inovador na universidade sobre Transtornos Alimentares e Obesidade feminina. Sandra Gaya foi inovadora! Sua monografia foi apresentada para um grande público acadêmico e, logo foi convidada para apresentar o seu trabalho em congressos em nível nacional. Devido a sua dedicação durante toda a faculdade, conseguiu o seu primeiro trabalho como Psicóloga Organizacional. Saiu da faculdade com uma remuneração digna como Psicóloga.  Desde o início da graduação, despertou nela o interesse em direcionar a sua carreira para a docência, pois a encantava a possibilidade de atuar no processo ensino e aprendizagem. Sem condições financeiras para pagar um mestrado, Sandra decidiu direcionar suas energias para ingressar na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Muitos duvidaram que ela conseguiria, mas sem fugir do seu foco, Sandra Gaya fez sua inscrição como aluna ouvinte no Programa de Mestrado em Administração da UFSC e lá ficou durante um ano. Deu o seu melhor!  Ano seguinte, participou do processo seletivo para o mestrado em Psicologia e, obteve êxito. Em 2006 defendeu a sua dissertação de mestrado sobre Carreira Profissional. No final do seu processo de mestrado e, após passar na seletiva para o doutorado em Psicologia, Sandra Gaya continuou seus estudos, ampliando o seu aprendizado sobre o processo de elaborar programas de aprendizagens. Concomitante aos estudos, Gaya iniciou a sua carreira acadêmica dando aulas em diferentes cursos de graduação tais como: Psicologia, Administração de Empresas e Design de Moda. Em 2005 foi convidada para dar aula nos programas de pós-graduação das seguintes Universidades em Santa Catarina tais comos: UNIASSELVI; UNIVALI, ESUCRI. Diante do seu profissionalismo e competências profissionais, Sandra Gaya foi convidada por uma faculdade para elaborar e implementar o Curso de Psicologia para uma faculdade da região do Vale do Itajaí Mirim – ASSEVIM. O desafio foi aceito e concluído. Logo recebeu outros convites como: ser autora do caderno de estudos sobre Psicologia Organizacional para o ensino a distância (EAD) da Uniasselvi e elaborar uma disciplina sobre psicologia para um mestrado no equador. Atuou dando consultoria como Psicóloga organizacional para diferentes empresas no Estado de Santa Catarina (SC). Foi sócia junto a seu marido de uma empresa de tecnologia da informação (TI). Desde a sua formação, iniciou seus primeiros atendimentos como Psicóloga Clínica. Sem nome no mercado, essa parte da sua carreira foi expandindo gradativamente. Uma das características de Sandra Gaya é a vontade intensa de aprender constantemente. Parte do seu recurso financeiro era aplicado no seu autodesenvolvimento por meio de cursos, livros e treinamentos de alto impacto na área de desenvolvimento humano. Mas esses não foram os seus únicos meios de aprendizagem. Gaya sempre buscou referências no mercado sobre pessoas de sucesso e, identificava quais padrões comportamentais levavam tais pessoas ao êxito profissional. Com isso, Sandra Gaya foi modelando seus comportamentos profissionais e pessoais para melhorar o seu desempenho como um todo.

Sandra Gaya

Outro aliado de Sandra sempre foi o esporte. Aos 34 anos iniciou os treinos de base para ingressar no triatlo. Por dois anos participou de diferentes eventos de corria de rua. Logo passou a conquistar as primeiras posições em sua categoria. Como em tudo que sempre fez, Sandra Gaya se destacou no esporte. Aos 36 anos ingressou no triatlo. Com pouco tempo de treino, Gaya passou a competir e obter excelentes resultados como uma triatleta amadora, chegando a conquistar, em 2013, o título de campeã brasileira de aquathlon. Com esse título Sandra Gaya conquistou a vaga para o mundial de aquathlon que aconteceria em 2013 na cidade de Londres. Infelizmente Sandra não pôde ir, pois na mesma época o seu pai ficou muito adoecido.

Em 2014 Sandra Gaya vivenciou o seu processo de divórcio. Uma relação bonita de 24 anos de muitos compartilhamentos a qual chegou ao fim. Nessa mesma fase, o seu pai veio a falecer. Foi nesse período que Gaya pôde vivenciar um grande vazio existencial. Foram dois anos de muitas mudanças internas e externas. Muitos desafios, tristezas, alegrias, novas amizades e grandes conquistas profissionais. Diante da nova fase e, já estabelecida no mercado como Psicóloga reconhecida pelo o seu trabalho, Sandra Gaya formalizou institucionalmente a sua atuação como palestrante e atuante como treinadora na área de desenvolvimento humano abrindo, assim, a empresa Sandra Gaya Treinamentos. Uma nova fase iniciava. Uma nova vida renascia em meio a grandes turbulências emocionais. Sempre focada em contribuir significativamente para a vida de muitas pessoas, Sandra Gaya desenvolveu um workshop sobre empoderamento o Conecta-se, um verdadeiro processo de transformação. Muitas pessoas, principalmente mulheres vivenciaram essa experiência. Gaya percebeu o quanto muitas mulheres estavam perdidas, em crise existencial, deprimidas, desamparadas, com medo do futuro. Diante dos benefícios que o workshop em tela proporcionava para muitas mulheres, Gaya iniciou uma vasta pesquisa sobre as condições sócio emocionais da mulher brasileira. Estarrecida com o que encontrou, Sandra percebeu a necessidade de desenvolver um projeto inovador direcionado para atender as reais necessidades das mulheres. Em um evento promovido pela ONU Mulheres em Brasília-DF sobre igualdade de gênero e empoderamento feminino, Sandra Gaya teve a oportunidade de conhecer alguns profissionais com foco no empoderamento e, dentre essas pessoas estava presente o empresário do setor de nanotecnologia Anderson Santana (A.S.). Em conversa Sandra percebeu que ambos comungavam de um mesmo propósito de vida, ou seja, desenvolver e implementar um projeto inovador de alto impacto social para o empoderamento da mulher brasileira. Como nenhum sonho de Sandra Gaya foi sucumbido pelo desânimo ou dificuldade, doze meses depois nasceu o projeto ANNITAS pensem fora da caixa!. Um novo estilo de vida está sendo proporcionado a muitas mulheres no Brasil que, assim como Gaya, querem viver a partir da sua melhor versão. Querem ampliar as suas possibilidades de atuação profissional e realizar os seus sonhos por meio de todo o seu potencial positivo.

Sandra Gaya enfrentou dificuldades, superou desafios, amou e foi amada, dedicou e dedica a sua vida para gerar valor a vida de muitas mulheres no país  por meio da semente do empoderamento feminino. Mulher de fibra, mulher guerreira. Mulher que chora, mulher que ri. Mulher que encanta e se encanta. Por fim, uma mulher brasileira de sucesso e altamente empoderada, que desde muito cedo pensou e pensa fora da caixa.

Por Sandra Gaya